Escola de Medicina - 26 jul 2018

PUCPR é sede de lançamento oficial de livro “Tratado da Nefrologia”

Uma das mais completas obras de nefrologia da língua portuguesa foi escrita pelo professor da Universidade Roberto Flavio Silva Pecoits Filho

Crédito: Edjane Madza.

Na manhã desta quinta (26) a PUCPR recebeu médicos, docentes e autoridades para celebrar o lançamento oficial do livro “Tratado da Nefrologia”. A obra, desenvolvida pelo doutor e professor da Escola de Medicina da Universidade Roberto Flavio Silva Pecoits Filho em parceria com outros autores, contém 1800 páginas sobre Nefrologia, dois volumes e 160 capítulos distribuídos em 17 seções. Os coordenadores de cada seção foram escolhidos levando em consideração as linhas de estudos,  publicações, capacidade didática e a inserção nas principais escolas médicas do país.

Segundo Roberto Pecoits Filho, o trabalho é um marco para a sociedade brasileira. “É um prazer estar aqui lançando esse livro, que é a mais completa obra de Nefrologia na Língua Portuguesa”, conta. Na ocasião, o médico destacou que o convite para ajudar a escrever e editar a obra veio há 6 anos, em 2012. “Desde aquela época eu já vislumbrava o tamanho do trabalho que teria que fazer para elaborar esse Tratado”, relata. Lucio Roberto Moura, participante do projeto que fez a proposta ao Pecoits, conta que um dos grandes desafios da iniciativa foi reunir conteúdos que contemplassem e virassem referência para o Ensino Médio, graduação, residência e a pós-graduação Stricto Sensu. “A obra traz uma capilaridade muito grande, incluindo capítulos de pessoas de todo o Brasil”, acrescenta. Os autores ainda lembram que nos últimos anos  tiveram que atualizar a obra para que ela não ficasse ultrapassada. “Mesmo que seja um projeto que começou em 2012, é um material totalmente atualizado”, explica Moura.

Roberto Pecoits fazendo dedicatória em livro. Crédito: Edjane Madza.

Para Waldemiro Gremski, reitor da PUCPR, o livro é um dos grandes serviços prestados à sociedade, já que traz um apanhado de ciência. “Em nome da Universidade gostaria de parabenizá-los pela obra, que é referencial e provavelmente será traduzida em diversas línguas”, diz.

Reitor da PUCPR Waldemiro Gremski com os autores do Tratado de Nefrologia. Crédito: Edjane Madza.