PUCPR

Sub Menu contents

Inovação é tema de encontro na PUCPR Câmpus Toledo

Coordenador de Ciência e Tecnologia da Secretaria de Estado participa de Semana Acadêmica

“Nós entendemos a importância da inovação como ferramenta estratégica. O fator da inovação não apenas focada na tecnologia, mas também à pesquisa e ao desenvolvimento”. A frase é do Dr. Evandro Razzoto, coordenador de Ciência e Tecnologia da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, que participou da Semana Acadêmica do curso de Engenharia de Produção da PUCPR Câmpus Toledo.

Ele questiona, por exemplo, qual o modelo desejado para as cidades brasileiras e também na educação. “A inovação, independente de qual área se esteja atuando, faz parte do desenvolvimento. Ela vai transformar a indústria e potencializar tudo aquilo que a gente viveu, vive e ainda vai viver”, disse Razzoto, complementando que a sociedade evoluiu nos últimos seis meses o que se levou quase 50 anos para se evoluir no passado e citou exemplos como o carro elétrico, tipos de energia renováveis, modelo de comunicação e até como as empresas atuam e a forma transformadora de gestão das organizações.

Paraná no cenário

De acordo com Evandro Razzoto, o Estado do Paraná tem avançado e muito nos últimos anos no setor, especialmente na governança de Tecnologia de Informação e Comunicação (TIC), graças a um esforço coletivo de atrair os vários segmentos para dialogar e construir uma gestão eficiente e transformadora.

Hoje, segundo ele, o Paraná exporta TIC para a América do Sul e é um modelo para o Brasil na área de governança, “o que tem gerado benefícios para a sociedade e para o Estado como um todo”.

Para o futuro, ele destaca ser necessário ampliar a gestão com transparência e buscar uma gestão pública eficiente usando as novas tecnologias. “Se nós não estivermos ligados um ao outro, trabalhando em conjunto, todo mundo vai perder”, defendeu ele ao citar, por exemplo, o trabalho desenvolvido pelo Conselho Estadual de Parques Tecnológicos.

Razzoto citou o exemplo do Biopark de Toledo como um modelo de pensar o desenvolvimento regional. “O Oeste do Paraná tem crescido também na área de inovação e não apenas no agronegócio. Agora precisamos trabalhar o desenvolvimento de uma forma estratégica, focando o global, mas também atuando na questão local, certamente vai gerar grandes resultados”, finalizou.



Publicado em: 04/09/2017Página Anterior



Notícias Relacionadas:

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO PARANÁ - PUCPR

Câmpus Curitiba | Câmpus Londrina | Câmpus Maringá | Câmpus São José dos Pinhais | Câmpus Toledo | Tecnólogos - Unidade Centro - Curitiba