PUCPR

Sub Menu contents

Curso de Medicina do Câmpus Londrina assina contrato para disponibilizar mais estagiários no atendimento municipal de saúde

Reunião ocorreu no dia 10 de novembro

Foi assinado no dia 10 de novembro, na cidade de Londrina, o COAPES, o Contrato Organizativo de Ação Pública Ensino-Saúde, em que instituições de ensino superior ou técnicas da área da saúde formalizam ações e obrigações entre escolas e Secretaria Municipal da Saúde.

O intuito é permitir que o estudante da área da saúde tenha ensino-aprendizado aprimorado e saia com melhores condições de ser inserido no serviço público de saúde assim que se formar. Diante disso, a secretaria de saúde de Londrina formalizou que internos da PUCPR Câmpus Londrina devem realizar estágio nas unidades de saúde de atendimento municipal a partir de 2017. Os estudantes precisam destinar cerca de 15% do internato para estágios na rede municipal de saúde.

Além de unidades básicas de saúde, também podem estagiar em duas Unidades de Pronto Atendimento (UPA), Maternidade Municipal, Pronto Atendimento 24 horas, Pronto Atendimento Infantil (PAI) e Adulto, dois Pronto Atendimento 12 horas, Policlínica, Pronto Atendimento do Centro de Atenção Psicossocial (Caps III), Caps Infantil e Caps-AD (álcool e drogas), 10 equipes do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf), Centrolab, Centrofarma, Samu, Vigilância em Saúde, e serviço de Atenção Domiciliar.

Durante a assinatura estiveram presentes o Prefeito Municipal de Londrina, Alexandre Kireeff; o Secretário Municipal de Saúde, Dr. Gilberto Martin; o Presidente do Conselho Municipal de Saúde, Eliel Joaquim dos Santos; a Diretora da 17a. Regional de saúde do PR, Teresinha de Fatima Sanchez; a vereadora Elza Correia; o coordenador  do curso de Medicina da PUCPR Câmpus Londrina, Dr. José Eduardo Siqueira; e a coordenadora-adjunta, Evelin Muraguchi.

Para o Dr. José Eduardo Siqueira, “essa parceria é importante porque promove uma integração entre as instituições de ensino médico e a atenção a pacientes que frequentam as diferentes unidades prestadoras de serviços à saúde da população de Londrina. Tradicionalmente a formação do profissional sempre ocorria no ambiente de um hospital terciário, o que é importante, mas não suficiente. A oferta desses novos cenários de ensino não somente melhora a formação dos profissionais de saúde como os torna mais conscientes de suas responsabilidades sociais”, comenta o  coordenador do curso de Medicina do Câmpus Londrina.



Publicado em: 16/11/2016Página Anterior



Notícias Relacionadas:

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO PARANÁ - PUCPR

Câmpus Curitiba | Câmpus Londrina | Câmpus Maringá | Câmpus São José dos Pinhais | Câmpus Toledo | Tecnólogos - Unidade Centro - Curitiba